segunda-feira, 3 de julho de 2017

Dissidentes especulam chapa dos sonhos para enfrentar Paulo Câmara


ESPECULA-SE Fernando Bezerra pelo DEM com Augusto Coutinho na vice;  Armando Monteiro e Bruno Araújo para  senado.

Dissidentes da capital e do Sertão de Pernambuco começam a especular com intensidade maior e já montam a chapa que consideram ideal, na tentativa de tentar tornar o sonho realidade. Mesmo com Armando Monteiro em campo, andando dia e noite, ex-aliados do governador Paulo Câmara liberam para a mídia suas conjecturas dando a elas ar de fato consumado.
A última que chegou ao Meu Araripe, confirmada por mais três fontes, indica que Fernando Bezerra estaria de malas prontas para o DEM, o que confirmaria os rumores iniciados com a visita de Rodrigo Maia, presidente da câmara, ao município de Petrolina e ampliados com a mais recente visita do mesmo Maia a Recife, onde novamente encontrou-se com Fernando Bezerra e Mendonça Filho, dois ministros de Temer.
Ingressar no DEM não seria parto de alto risco para FBC, visto que suas origens vêm daí, tendo, inclusive, sido Secretário de Agricultura do governo Roberto Magalhães. Ser candidato à reeleição ao senado também não seria o fim para Armando Monteiro. Ele se descolou do PT após assumir postura firme na defesa das reformas que tramitam no congresso, não cedendo ao discurso demagogo dos petistas que jogam para a platéia. Este deslocamento do PT, que lhe rendeu ácidas estocadas da 'patrulha virtual' petista, talvez tenha minado seu principal campo de atuação, restando ser cabeça desse novo grupo que se especula em torno de Fernando Bezerra, que nada tem a perder nesta eleição, diferente de Monteiro Neto, que não pode perder outra eleição, o que o deixaria sem mandato.
Os mais entusiasmados chegam a calcular que Fernando Bezerra sairia do Sertão com mais de 60% dos votos válidos.
A chapa completa seria Fernando Bezerra (DEM) governador; Augusto Coutinho (Solidariedade e cota de Mendonça Filho) na vice; Armando Monteiro (PTB) e Bruno Araújo (PSDB) senadores.

PREFEITURA DE RECIFE NO PACOTE
Resultado de imagem para mendonça filho
Este grupo estaria se 'armando' para em 2020 peitar os 'herdeiros' de Eduardo Campos na capital. A esta altura, Geraldo Júlio não poderia mais ser candidato a reeleição e certamente o grupo sofreria abalos na disputa interna para decidir quem seria o encarregado de cuidar da principal capital do Nordeste. Mendonça Filho, que já foi governador e ocupa o ministério da Educação, seria o escolhido desse grupo em gestação, ou pretensa gestação.

RISCO DE FORTALECER PAULO CÂMARA
Caso não passe de castelo de areia, as especulações tendem a causar efeito contrário se uma das peças não se encaixar. Paulo Câmara poderá manter Fernando Bezerra por perto e ainda atrair de volta o DEM, o PSDB e o Solidariedade, caso arme palanque nacional para o tucano Geraldo Alckmin, como vem sendo trabalhado dia e noite no Palácio dos Bandeirantes.


Nenhum comentário:

Postar um comentário