quarta-feira, 10 de maio de 2017

O cara do Centro Tecnológico


O moço da foto, que assina a coluna abaixo,  é um pernambucano da Paraíba que chegou muito jovem em Recife. Foi secretário de Pernambuco nas áreas de tecnologia e planejamento. Serviu muito ao nosso estado. Tem marcas em Araripina que são futuristas até hoje. O nosso Centro Tecnológico, construído no Governo Jarbas, tem a mão e a cabeça dele. Cláudio Marinho foi futucado com vara curta semanalmente, no final do governo Jarbas, para viabilizar os recursos restantes para concluir a nossa edificação mais moderna e futurista. O chato que cobrava era o editor deste blog, enquanto secretário de Planejamento de Araripina e colega de missão. Marinho já esteve vezes em Araripina. É hoje um empresário bem sucedido no que chamávamos no início de Porto Digital, no centro histórico de Recife. Sua empresa é a Porto Marinho. Ele roda o Brasil e o mundo, palestrando e se capacitando. É poliglota, mas ao mesmo tempo extremamente simples e acessível, como qualquer matuto como nós. Nascido no interior da Paraíba, sonha com todo interior do Nordeste desenvolvido e antenado. Sabe  que para isto acontecer, a tecnologia precisa chegar antes. É um estudioso do assunto, um cara que enxerga anos à frente e calça suas ideias no que ver de melhor no primeiro mundo. Está me devendo alguma contribuição relacionada à interiorização da tecnologia de informática tendo como base o nosso centro tecnológico e como substrato o nosso parque industrial e eólico. Deixei claro que ele é um dos pais do Centro Tecnológico e que por isso não pode deixar filho 'abandonado'. Cláudio Marinho deixou as atividades no setor público a um bom tempo. Foi cuidar de seus negócios, mas não deixou de ter largueza nas ações, atitudes e sentimentos. Aguardamos.
Centro Tecnológico de Araripina, obra que Cláudio é co-responsável, em foto de sua autoria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário