quinta-feira, 18 de abril de 2013

Mensagem 'presidencial'


A propaganda partidária do PSB está no ar. É um verdadeiro banho de inserções bem elaboradas para moldar o perfil de Eduardo Campos na mente do eleitor. Conhecido nacionalmente ele ficará, restando agora dar sequência ao serviço de criação de fatos que o tornam homem-notícia. Pode até ser precipitado, mas é de se imaginar que o governador de Pernambuco já aparecerá com cerca de 10% nas próximas pesquisas.
Exercite aí o seu 'faro' político e responda:
1) Eduardo tem cara de quem emplaca?
2) Tem a cara do novo que a propaganda vende?
3) Tem a cara de grande gestor moderno que a população exige?
4) Vai suprir a lacuna que existe dentro da polarização que PT e PSDB tentaram empurrar goela abaixo do brasileiro?
5) Passa confiança?
6) É capaz de conquistar o voto daqueles que gostam de Lula mas não gostam do jeitão grosseiro de Dilma?
7) Tem cara de quem conseguirá tirar o Brasil do marasmo e colocá-lo dentro de um processo de desenvolvimento que envolva ciência e tecnologia; conhecimento; escola boa e produtividade vencendo a preguiça mental e a falta de mão-de-obra especializada?
É isto que Eduardo Campos está tentando. Se conseguir chegar ao final do ano com cerca de 10% nas pesquisas, será difícil segurá-lo.
Dez por cento bem concentrados no formador de opinião e bem distribuídos nacionalmente é garantia de 20% em menos de um mês de propaganda oficial nas ruas. E 25% ou 30% na reta final, quando o voto útil prevalecer na hora de decidir quem mandar par ao segundo turno. Muita gente, na verdade a maioria, quer ver seguindo em frente o projeto nacional desenhado por Lula, mas quer se livrar de gente como Zé Dirceu, o cabra de recado usado por Dilma para ameaçar forças que se insurgem.
Se  responde SIM às perguntas, é hora de 'empurrar o cara'.

Nenhum comentário:

Postar um comentário