sexta-feira, 19 de abril de 2013

Gangorra da fama: Dilma desce, Barbosa sobe na "Time".

Nem jogador de futebol, nem uma estrela pop. A máscara mais vendida no Carnaval brasileiro foi a de Joaquim Barbosa, destaca a revista americana "Time" ao incluir o ministro na sua lista anual das cem personalidades mais influentes do mundo. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) aparece na relação ao lado de nomes como Barack Obama, presidente dos EUA, e Malala Yousafzai, a paquistanesa que virou símbolo da luta pelos direitos das mulheres.

Outro brasileiro na lista, que em edições anteriores incluiu a presidente Dilma Rousseff e o bilionário Eike Batista, é o chef Alex Atala. O perfil de Barbosa no site da revista é escrito pela professora da Universidade de Columbia Sarah Cleveland. Ela destaca a origem simples e o fato de Barbosa ter sido o primeiro negro a ocupar a presidência do Supremo. A publicação lembra ainda que Barbosa foi nomeado por Lula para o STF e demonstrou ser um juiz independente, pois participou da condenação de políticos próximos ao ex-presidente, em referência ao julgamento do mensalão, no ano passado.

Ao comentar a inclusão do seu nome na lista, o ministro se disse "honrado". "Acho que é uma honra muito grande para este tribunal, para a jurisdição constitucional no Brasil. Quanto a mim, extremamente feliz e honrado." No ano passado, era Dilma quem estava entre as cem mais influentes e seu perfil na revista foi escrito pela presidente argentina, Cristina Kirchner. A brasileira também figurou na lista em 2011. (Folha de São Paulo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário