terça-feira, 2 de abril de 2013

Dilma endurece e não quer perdoar dívida dos agricultores. Propôs renegociar.

A presidente Dilma insiste em prender o voto dos agricultores nordestinos. A medida que os deixaria livres para contrair empréstimos e fazer a produção e o emprego acontecerem não está sendo aceita pela petista, em Fortaleza. Ela só fala em renegociar. De fato, o PT só pensa na cartilha de Maquiavel: "O bem se faz aos poucos". É a forma de deixar o povo nordestino dependente de bolsas e também de voto preso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário