quarta-feira, 17 de abril de 2013

Ciro engana Dilma para salvar Pecem e arrancar mais verbas e..... e depois se vingar do PT. Os Gomes não perdoam Luiziane.


 Expoente da ala 'dilmista' do PSB, o ex-ministro Ciro Gomes diz que a possível candidatura presidencial do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, é 'inoportuna'. Diz ainda Ciro: 'Se meu partido tiver candidato, depois que fizer minhas ponderações, vou acompanhar. Mas vou fazer uma discussão dizendo que a candidatura é inoportuna', disse. O ex-ministro e o irmão Cid, governador do Ceará, defendem, diante das recentes movimentações presidenciais de Eduardo Campos, o apoio do PSB à reeleição de Dilma Rousseff. A presidente, por sua vez, tem feito agrados a Cid em eventos e audiências.
Ele diz que Campos é o mais preparado dos três. 'Mas é zero de ideia.' Afirmou ainda que o governador 'faz um discurso também reacionário quando vai conversar com empresários reacionários de São Paulo'. 'Vamos disputar com a Dilma pela direita?'

Nenhum comentário:

Postar um comentário