sexta-feira, 22 de março de 2013

Eduardo e Serra estreitam os laços

Serra: ''Candidatura de Eduardo é boa para o Brasil''
 Um dos principais nomes do PSDB, o ex-governador José Serra disse ontem à Folha de S.Paulo que a candidatura do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), à Presidência da República nas eleições de 2014 seria 'boa para o Brasil e boa para a política'. Serra, que tem evitado discutir em público o cenário político nacional e concorreu duas vezes ao Planalto por seu partido, deu a declaração ao confirmar que se reuniu com Campos na última sexta-feira, em sua casa, na capital paulista. A assessoria de Eduardo Campos disse que se tratou de 'uma conversa sobre o Brasil'. A versão do ex-governador de São Paulo vai na mesma linha. 'Foi uma conversa cordial sobre o Brasil, a política e a economia', disse Serra.
O tucano negou que, durante o encontro, Campos tenha falado sobre sua candidatura presidencial ou discutido alianças eleitorais. Serra disse que, 'apesar do distanciamento político', foi muito amigo do avô de Eduardo Campos, o governador Miguel Arraes (1916-2005), e que recebeu abrigo da família em Paris na ditadura militar, quando os dois estavam exilados.
A aproximação de Serra e Campos ocorre num momento em que a cúpula do PSDB trabalha para viabilizar a candidatura do senador mineiro Aécio Neves. Seus aliados veem como maior obstáculo ao projeto a falta de unidade na sigla em torno do senador. (Folha de S.Paulo - Daniela Lima)

Nenhum comentário:

Postar um comentário