terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Cuba manda no Brasil do PT

Mesmo sem saúde e cambaleante, Fidel Castro cresceu de tamanho político com a fragilidade moral do governo brasileiro. As pilhas  de dinheiro que enviava ao Brasil nos tempos de guerra fria, dinheiro que vinha da antiga União Soviética, agora tira a autonomia dos que receberam aquele recurso sujo para promover a luta armada.
Lula já provou no passado que não tem como encarar Fidel Castro e deportou dois atletas olímpicos de volta à ilha. Agora, no governo de Dilma, outra que recebeu financiamento sujo para fazer guerrilha nos anos 70, o Brasil passa vexame ao dividir com Cuba a  missão de infernizar a vida de uma ativista de direitos humanos que cobra liberdade na Ilha. Em solo brasileiro, maconheiros sem emprego atrapalham a mando da embaixada cubana e do aparelho do PT a vida da blogueira Yoani.
Logo ela, que tem o mundo a seus pés e é aguardada com tapete vermelho em todos os países civilizados e livres da ingerência dos ditadores caribenhos.
Se abaixando mais um pouquinho o Brasil lamberá as botas dos aprendizes de ditador de Equador e Bolívia.
A verdade é uma só: Com o rabo preso, todos os petistas graúdos são obrigados a ir à Cuba quando Fidel ordena e a fazer papel sujo sempre que é de interesse da ilha. Por último, o dinheiro enviado à guerrilha nos anos 70 está sendo pago por todos os contribuintes. Vez por outra o BNDES manda sem retorno milhões de Dólares para Fidel torrar e sustentar seu regime falido.
Se tem uma coisa que Fidel sabe fazer é chantagear. O PT cede a todas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário