quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Joaquim Barbosa mantém caneta pesada


Joaquim Barbosa vota pela perda de mandato de deputados condenados

Ricardo Lewandowski acha que a Câmara deve decidir a questão após julgamento do mensalão
Marcio AllemandCláudio NogueiraLeonardo PimentelBruno Góes e Carolina Brígido, O Globo
Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) retomaram nesta quinta-feira o julgamento do processo do mensalão. Eles discutiram a possibilidade da perda do mandato de três parlamentares como consequência direta da condenação.
Joaquim Barbosa defendeu que os deputados em questão devem perder os direitos políticos automaticamente após a decisão condenatória da Corte. Já Ricardo Lewandowski, entretanto, foi contra. O revisor acha que cabe à Câmara a decisão. Na próxima sessão, os demais membros do STF devem definir a questão.
Podem perder o mandato os seguintes parlamentares: João Paulo Cunha (PT-SP), Valdemar da Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT). José Borba, hoje prefeito de Jandaia do Sul (PR), também pode perder o mandato. Neste caso, Joaquim e Lewandowski concordaram. Para eles, Borba deve perder o cargo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário