domingo, 30 de dezembro de 2012

Interventor é anunciado Secretário de Defesa Civil da capital



O prefeito eleito do Recife, Geraldo Julio (PSB), definiu neste domingo (30) mais três nomes da sua equipe. Atual interventor de Araripina, o tenente-coronel Adalberto Freitas Ferreira, será o secretário-executivo de Defesa Civil - que agora será uma secretaria-executiva vinculada à pasta de Infraestrutura e Serviços Públicos. A jornalista Marcella Sampaio assumirá a Secretaria-Executiva de Imprensa. Completa o time o auditor fiscal da Fazenda Jader Toscano, 47, que ficará como executivo de Projetos Estratégicos, vinculado à Secretaria de Desenvolvimento e Planejamento Urbano.
De acordo com o socialista, a decisão de elevar a Defesa Civil à categoria de Secretaria-Executiva foi para reforçar a atuação da Prefeitura no enfrentamento e na contenção de situações de risco, a exemplo de deslizamento de barreiras nos períodos de chuva. Com isso, a pasta vai incorporar as competências da atual Coordenadoria de Defesa Civil do Recife (Codecir).

Adalberto Freitas tem 44 anos. É servidor público de carreira da Polícia Militar, que, além de interventor de Araripina, já foi coordenador de Segurança Institucional da Casa Militar do Estado e diretor do Centro de Reeducação da PM. Atual coordenadora-geral de Defesa Civil do Recife, Keila Ferreira será mantida na equipe de Adalberto e será a gerente-geral de Assistência Social da Secretaria-Executiva.

Na Secretaria de Imprensa, Marcella Sampaio, 37 anos, terá a função de coordenar as assessorias das 22 secretariais municipais e dos órgãos vinculados. Formada pela UFPE e com mestrado em Teoria da Literatura pela mesma universidade, ela atua na área desde 1997. Também é professora do curso de jornalismo da Faculdade Maurício de Nassau, onde ensina disciplinas ligadas ao jornal impresso. No Governo do Estado, Marcella assessorou Geraldo nas secretarias de Planejamento e Gestão e Desenvolvimento Econômico e também integrou a equipe de profissionais na campanha.

Jader Toscano, futuro executivo de Projetos estratégicos, ingressou na Secretaria da Fazenda há 25 anos. Atuou nas áreas de administração fiscal e recursos humanos. Por sete anos foi o Ouvidor, tendo já ocupado o posto na Secretaria estadual de Educação.
(Do blog de Jamildo Melo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário