quinta-feira, 19 de julho de 2012

Tome Plasil antes de olhar

Olhem o Delúbio: não parece que ele está gozando com a nossa cara?


Blog de Ricardo Setti
Tudo seguiu o figurino previsto: Delúbio Soares, o ex-tesoureiro do PT, assumiu sozinho, como se não existisse mais nada nem ninguém envolvido, a responsabilidade pela distribuição de dinheiro ilegal a políticos e a partidos da chamada “base aliada” do governo no Congresso durante o governo Lula — o escândalo do mensalão, que veio à tona em 2005.
Assumiu, sim, mas, segundo ele, o dinheiro repassado não teve a mais remota relação com o que chama de “o falacioso mensalão”. Não houve compra de apoio para o governo no Congresso, nem nada parecido — alega. O que houve foi distribuição de dinheiro para fazer frente a supostas “despesas de campanhas eleitorais”. Portanto, ele se declara inocente das acusações de ter praticado os crimes de corrupção ativa e formação de quadrilha, constantes da denúncia do procurador-geral da República, apresentada em 2006 e recebida pelo Supremo Tribunal Federal em 2007.

Delúbio tal qual Lula: o mensalão não existiu!

Leia a íntegra em Vejam a foto do Delúbio: não parece que ele está gozando com a nossa cara? Pois ele está. Saiba como

Nenhum comentário:

Postar um comentário