terça-feira, 5 de junho de 2012

Verdade ou pura intriga?

Do blog de Magno Martins
"A ação enérgica que o ex-ministro José Dirceu fez hoje, em São Paulo, em favor da retirada da candidatura do prefeito João da Costa e, consequentemente, pelo nome de Humberto Costa, não agradou o governador Eduardo Campos. Dirceu age no PT nacional para apagar o poder de fogo do governador no plano nacional pelo fato de estar sendo visto como nome em potencial para disputar a Presidência da República em 2014. Eduardo não vê com bons olhos também o fato de Humberto, além de ter Dirceu como um dos estrategistas da sua campanha, colocar no seu palanque, forças que hoje contrariam interesses dele em 2014, como o senador Armando Monteiro Neto."

Agora que o PT apunhalou João da Costa, o problema passa a ser de outra ordem. Caso Eduardo Campos use sua popularidade para colocar Humberto Costa na prefeitura da capital, terá, definitivamente, credenciado João Paulo para disputar o governo do Estado em 2014. A escolha é difícil, mas Eduardo terá que tomá-la agora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário