terça-feira, 12 de junho de 2012

Se Eduardo soubesse o que Humberto disse a Armando Monteiro em Brasília lançaria candidato ontem.

Acara do retrato rasgado, segundo Inaldo Samapaio:
1- O senador Humberto Costa esteve com o ex-presidente Lula, em São Paulo, nesta terça-feira, a quem fez um relato das dificuldades que está enfrentando para unificar o PT do Recife.
2- O senador foi indicado pela cúpula nacional do partido para ser o candidato a prefeito da capital.
3- No entanto, é rejeitado pelo atual prefeito, João da Costa, e pelos deputados que o acompanharam nas prévias.
4- Lula, segundo a assessoria do senador, teria prometido participar de sua campanha, o que aliás não é novidade porque o ex-presidente já o queria como candidato desde a eleição de 2008.
5- O senador relatou também para o ex-presidente que o governador Eduardo Campos exonerou quatro secretários de estado e planeja lançar um deles para disputar a prefeitura, caso o PT não encontre a sua unidade.
6-  Ele espera que Lula entre no circuito, de imediato, a fim de abortar o lançamento de um candidato do PSB.
7- Hoje de manhã, à Rádio Jornal, Humberto duvidou da coragem do governador de romper sua relação política com o PT.
8- Ele disse que a divisão da Frente Popular, no Recife, não interessa ao PSB nem ao PT. Mas…
9- Por isso, não acredita que Eduardo Campos irá negar-lhe apoio para lançar candidato próprio.
10- Isso ele disse a Rádio Jornal e também ao ex-presidente, embora este já tenha sido informado pelo próprio Eduardo que o PT mergulhou numa divisão interna que ninguém sabe quando irá terminar.

MEU ARARIPE
Porque nosso blog noticiou esse racha ainda no início do ano passado, vou apenas continuar postando a constatação tardia dos blogueiros da capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário