quarta-feira, 6 de junho de 2012

GOLPE EM RECIFE: Olha só no que deu

Ferro abre as baterias contra a cúpula do PT: “nem a ditadura militar agiu assim”
O deputado federal Fernando Ferro (PT) desferiu hoje, talvez, a mais dura crítica à executiva nacional do PT, que ontem indicou Humberto Costa para ser o candidato do partido à prefeitura do Recife.

2- Leia, abaixo, algumas declarações do deputado petista contra os dirigentes nacionais do seu próprio partido. Que, por 11 votos a favor e seis abstenções, tirou João da Costa da disputa:

3- “Vamos reagir a esse golpe dado pela burocracia do partido”.

4- “Nem a ditadura militar se comportou dessa forma em relação a um partido político”.

5- “Temos o direito político, jurídico, ético e moral de reagir contra esta violência”.

6- “A executiva nacional do PT não está acima da Constituição”.

7- “Se era para botar alguém que está bem nas pesquisas, por que não botaram João Paulo?”

8- “Tenho certeza de que Humberto Costa, do fundo do seu coração, não aprovou este golpe. Tanto que ele estava na reunião acabrunhado e triste”.

9- “É lamentável que o partido, construído nas lutas democráticas, se valha de um expediente como este”.

10- “Não vamos tomar nenhuma decisão precipitada. Vamos reunir os companheiros para depois decidir o que fazer”.
Do blog de Inaldo Sampaio

Nenhum comentário:

Postar um comentário