segunda-feira, 11 de junho de 2012

Bons de briga e tuins de voto.

Para aliado do prefeito, Humberto não uniu nada
O prefeito João da Costa deve entrar hoje com um recurso junto ao Diretório Nacional petista tentando derrubar a decisão da Executiva nacional que cassou seu direito de disputar a reeleição, perdendo o lugar para o senador Humberto Costa. O prefeito vai se reunir com seu grupo de apoio na hora do almoço, para estabelecer o rumo da estratégia e depois encaminhar o pedido ao diretório. Joãodea Costa vai tomar a iniciativa favorecido pelo fato de o senador Humberto Costa, desde que foi indicado para unir os petistas do Estado e a Frente Popular em torno de seu nome nada ter conseguido até agora com esse objetivo.
Ao contrário disso, o clima dentro das forças governistas é de pé de guerra, com cada segmento querendo tomar um rumo diferente que não a candidatura de Humberto. Esse fato dá maior poder de convencimento ao argumento que o prefeito vai levar á direção do partido.
FRACASSO DE HUMBERTO
A decisão do prefeito João da Costa é o cumprimento do que ele vinha afirmando desde o dia em que foi garfado pela executiva do partido, que o afastou da disputa, cedendo a vaga de candidato a Humberto Costa. Desde aquele momento, com o respaldo dos seus aliados dentro do partido, João da Costa vem sustentando que não vê motivo para seu nome ter sido rifado do processo sem uma justificativa que o convencesse. Esse argumento ele tem mais reforçado ainda agora com o fracasso do senador Humberto Costa em somar apoios ao seu nome na Frente Popular.

Nenhum comentário:

Postar um comentário