quinta-feira, 3 de maio de 2012

Araripina não terá palanque único

Quem acha que o prefeito Alexandre Arraes disputará a eleição sem adversário se engana. Afirmar que terá adversários de peso reconhecido não seria o caso, mas certamente Dr. Cácio e Nunes Rafael se manterão no páreo, dividindo os votos da oposição. Ainda não está certo, mas provavelmente Lula Sampaio também lançará candidato, que poderá ser Evilásio Matheus ou qualquer nome de sua família, caso seja afastado definitivamente e se torne inelegível, ou caso renuncie. A possibilidade do prefeito afastado apoiar Alexandre Arraes é remota ou quase inexistente.
Pelos desdobramentos, Maria Augusta e Carlos Pracheles não acreditaram nas promessas de receber o apoio de Lula Sampaio para disputar a prefeitura ou, pela experiência, enxergam equívocos no projeto dele.
A se confirmar o cenário atual, Lula Sampaio deverá apoiar Evilásio Matheus com vice ainda indefinido, a fim de salvar o mandato de Boba e eleger mais um ou dois vereadores de sua inteira confiança.
Seria o caso, portanto, de imaginarmos a seguinte disputa:
1) Alexandre Arraes, com apoio dos ex-prefeitos de Araripina, a excessão de Lula, apoio do deputado Raimundo Pimentel; do Palácio, de 8 vereadores da maioria dos partidos;
2) Dr. Cácio com João Romério na vice;
3) Nunes Rafael, com apoio de Luis Jacó, Edvan e outras lideranças comunitárias;
4) Evilásio Matheus, com apoio de Lula Sampaio e Boba Sampaio.
Alteração nesse quadro é difícil, a menos que Evilásio deixe de aceitar a missão e Lula tenha que escolher outro nome, ou mesmo entrar sozinho na disputa, para salvar o mandato de Boba e Evilásio, com todos os riscos envolvidos nessa empreitada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário