quinta-feira, 26 de abril de 2012

Agnelo recebe proteção do partido. Parece máfia.

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, manifestou nesta quarta-feira apoio do partido ao governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), após audiência realizada no Palácio do Buriti. "Não há indícios de comprometimento do governo e do governador Agnelo com esse delinquente", afirmou, referindo-se ao empresário Carlos Augusto Cachoeira.

Falcão disse que Agnelo "pegou um governo totalmente sucateado e minado pela corrupção. O governador vem tomando atitudes para colocar a casa em ordem. Por isso tem sido combatido. Não há crise política no governo do DF. Não temos nenhum temor de que essa investigação vá implicar o governador". Ele negou que a direção nacional do PT teria abandonado Agnelo. "Li numa publicação semanal que eu viria aqui para pedir a renúncia do governador. Isso não passa de um boato sem o menor fundamento. Ao contrário, queremos que ele continua andando bem".(Folha Poder)

Nenhum comentário:

Postar um comentário