sexta-feira, 16 de março de 2012

Brasil: quem manda está de cama

A visita de Eduardo Braga (PMDB-AM), novo lider do governo no Senado ao Sírio-Libanês, mostra que Lula está bem, quem está doente é a nossa democracia. Por qual motivo um político iria visitar um ex-presidente que não pode receber visitas? Dar uma prova de prestígio ou recebê-la? Bastou que a crise se instalasse no governo para que Lula pudesse correr o risco de pegar uma catapora, uma malária ou uma dengue trazida pelo ilustre visitante, algo inimaginável alguns dias atrás. Se este governo capenga depende tanto de um ex-presidente para funcionar, é porque a nossa democracia anda mal das pernas. Afinal de contas, com Dilma o novo lider não esteve. E ele é o líder dela, não dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário